Úlceras Cuiabá, Mato Grosso

Úlceras em Cuiabá. Encontre telefones, endereços e informações sobre Úlceras em Cuiabá e região. Leia o artigo abaixo para obter dicas, tutoriais e informações relevantes sobre Úlceras.

Najla Maria Souza Franco
(65) 3023-1616
Rua das Dálias 317 - 1º Andar
Cuiaba, Mato Grosso
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Nilson G. Bento
Av. Rubens de Mendonçabl. H Apt. 604 - 260 Residencial Tropical Privê
Cuiaba, Mato Grosso
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Luiz Carlos Dias Machado
(65) 3622-4126
Avenida Avenida Isaac Póvoas 586 - Sala 02 Ed.Wall Street
Cuiaba, Mato Grosso
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Maria Cristina de Carvalho
R.Arnaldo Matos 125 - Ed Mont Clair Ap 302
Cuiaba, Mato Grosso
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Lucas Bello
Av Rub. de Mendonca 898 - Amecor
Cuiaba, Mato Grosso
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Derly Ortiz Rodrigues
Rua B 30 - Edf. Bosque das Aguas Ap.401
Cuiaba, Mato Grosso
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Femina Prestadora de Servicos Medicos Hospitalares
Rua Corumba 538
Cuiaba, Mato Grosso
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Danilo Zanirato
(65) 3641-2022
Clínica Médica Ginecologia e Obstetrícia
Cuiaba, Mato Grosso
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Cervantes Caporossi
Rua Marechal Deodoro 582
Cuiaba, Mato Grosso
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Carlos Fernando G. Garcia
(65) 3052-3002
Rua Adel Maluf 119
Cuiaba, Mato Grosso
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Úlceras – como prevenir, tratamentos

As úlceras causam fortes dores no estômagoAs úlceras são pequenas lesões superficiais que podem aparecer em qualquer parte do corpo, mas, quando se fala nelas, a maioria das pessoas associa a palavra a uma doença que atinge o aparelho digestivo. Neste caso, as feridas são chamadas de úlceras pépticas, podendo surgir no esôfago, estômago ou duodeno (porção inicial do intestino).O aparecimento das úlceras se dá quando os mecanismos de proteção do aparelho digestivo têm a sua atuação alterada, facilitando a ação de agentes agressivos ao trato digestivo, como o ácido clorídrico e algumas enzimas, que causam as feridas na mucosa. Em geral, essas feridas são pequenas, mais ou menos do tamanho de uma ervilha.Sistema digestivoEsse desequilíbrio no mecanismo de defesa dos órgãos da digestão pode ser causado por gastrite (inflamação da mucosa), estresse emocional (que estimula a secreção de ácido clorídrico), má alimentação, tabagismo, uso frequente de anti-inflamatórios e devido à presença da bactéria Helicobacter pylori, que segundo os médicos é a responsável por mais de 90% dos casos de úlcera. A bactéria ataca a mucosa do aparelho digestivo.Ela pode ser diagnosticada através de endoscopia digestiva, exame pedido por um gastroenterologista, no qual um tubo é introduzido no estômago, através da boca, para fazer imagens do aparelho digestivo e colher material (biópsia) para exame no microscópio.O raio X do estômago e do duodeno também pode ser utilizado para a detecção da doença.SintomasAlguns dos principais sintomas da úlcera péptica são dor de estômago constante, sensação de estômago cheio, mesmo que não tiver se alimentado, perda de apetite, azia e náuseas. Em casos mais complicados, podem ocorrer fezes e/ou vômitos acompanhados de sangramento.PrevençãoPara se prevenir do aparecimento da úlcera, você deve priorizar alimentos mais leves, controlar o estresse, reduzir a ingestão de bebidas alcoólicas, café e refrigerantes e diminuir ou parar de fumar.Com relação ao uso de anti-inflamatórios, esse medicamento deve ser utilizado apenas quando indicado por um médico. A automedicação é sempre perigosa.TratamentosEm grande parte dos casos, o tratamento da úlcera é feito com o uso de medicamentos que irão neutralizar o excesso de ácido secretado, juntamente com a ação de antibióticos, para combater a bactéria Helicobacter pylori, isto é, se ela estiver presente.O gastroenterologista pode indicar ainda algumas alterações no cardápio alimentar, com o objetivo de diminuir o desconforto causado pela doença. Já nos casos mais graves, pode ser necessária a intervenção cirúrgica.O mais importante é que você procure um médico o mais rápido possível, assim que sentir os primeiros sintomas da úlcera, e use apenas os medicamentos que ele indicar.Endoscopia digestiva