Alergia Emocional Arapongas, Paraná

Alergia Emocional em Arapongas. Encontre telefones, endereços e informações sobre Alergia Emocional em Arapongas e região. Leia o artigo abaixo para obter dicas, tutoriais e informações relevantes sobre Alergia Emocional.

Jose Roberto Vidotto
(43) 3252-0800
Rua Marabu 605
Arapongas, Paraná
Especialidade
Alergia e Imunologia

Dados Divulgados por
Rubens Pontello
(43) 3322-1617
Rua Prof Joao Candido 1515 - 5º Andar
Londrina, Paraná
Especialidade
Alergia e Imunologia

Dados Divulgados por
Walter Buzalaf
(43) 3055-4342
Rua Marabu 760
Arapongas, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Paulo Roberto Coelho Marques
(43) 3252-1121
Rua Drongo 1079
Arapongas, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Jose Leopoldo de Souza
(43) 3422-6188
Ruaagib Daher 884
Apucarana, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Miguel Alberto Piccirillo
(43) 3334-4189
Paes Leme 1264 - Sala 101
Londrina, Paraná
Especialidade
Alergia e Imunologia

Dados Divulgados por
Jose Roberto Vidotto
(43) 3252-0800
Rua Marabu 605
Arapongas, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Pieker Fernando Migliorini
(43) 3252-8080
Rua Flamingos 1625
Arapongas, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Jair Cesar Tribulato
Rua Osorio Ribas de Paula 432
Apucarana, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Hakaru Otta
(43) 3422-1144
Ruaagib Daher 553
Apucarana, Paraná
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Alergia emocional: o que é, sintomas

A maioria das pessoas pensa que o corpo e a mente são duas partes separadas do corpo humano. Porém, trata-se de dois aspectos diferentes, mas inter-relacionados. As alergias são respostas imunológicas causadas por vários fatores, dentre eles estão os emocionais. Saiba mais sobre as alergias emocionais e seus principais sintomas.As emoções pioram os quadros de alergias. (Foto: divulgação)O que é Alergia emocionalA alergia é uma resposta ou reação imunológica exagerada feita pelo nosso corpo diante de substâncias que, normalmente, não são nocivas. Ela pode ser causada por vários fatores, um deles é o emocional. Sendo assim, a alergia emocional é aquela desencadeada por fatores emocionais como o estresse, a ansiedade, a depressão e outros.Entretanto, é indispensável saber discernir o estado físico do estado emocional. As pessoas que são alérgicas, de um modo geral, percebem que o estado emocional pode interferir no nível dos seus sintomas. Por exemplo, situações de ansiedade, temor, tensão e estresse podem piorar os quadros de asma e rinites alérgicas. Dessa forma, o controle desses sintomas, facilita o controle dos processos alérgicos.O estresse, a ansiedade e outros fatores emocionais podem provocar alergias. (Foto: divulgação)Veja também os principais agravantes das alergias respiratórias Sintomas de uma alergia emocionalOs fatores emocionais relacionados às doenças alérgicas não costumam ser estudos com muita frequência. Entre as doenças alérgicas, a asma brônquica é a que mais tem sido relacionada com ansiedade e depressão.Essa relação entre a asma e a ansiedade é feita pela constatação de que os estados emocionais ou de estresse podem piorar os sintomas da doença, os quais geram mais ansiedade, criando uma espécie de circulo vicioso. Isso quer dizer que a asma pode ser desencadeada ou agravada pela ansiedade.É possível observar que os pacientes alérgicos apresentam comportamento ansioso, do qual pode interferir na evolução e tratamento da doença. Os sintomas de ansiedade podem desencadear ainda algumas manifestações clínicas como impaciência, exigência, tensão emocional e até agressividade.As emoções podem desencadear a manifestação de alergias. (Foto: divulgação)Veja também como o estado psicológico afeta a peleAs alergias emocionais recebem esse nome por serem provocadas por fatores psicológicos nos quais o sistema imunológico reage como forma de proteger o nosso corpo. Dentre os principais sintomas da alergia emocional está a ansiedade, a depressão e o estresse que agravam quadros como asma brônquica, rinites, urticárias e outros processos alérgicos. Ao surgirem as alergias o médico deve ser consultado para melhor avaliação do quadro.