Cisto De Baker Caucaia, Ceará

Cisto De Baker em Caucaia. Encontre telefones, endereços e informações sobre Cisto De Baker em Caucaia e região. Leia o artigo abaixo para obter dicas, tutoriais e informações relevantes sobre Cisto De Baker.

Fabricio Andre Martins Costa
3279-5059
R Pedro Firmeza 712
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Jose Maria Costa Batista
3495-3813
Av Holanda 235
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Maria Luiza de Mattos B Oliveira
3272-2772
R Vicente Nogueira Braga -Vicente Braga 214
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Jacinta Maria Parente Vieira
3287-4820
Av Bezerra de Menezes 2711
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Sefora de Alencar Araripe Gurgel
3224-6470
R Jose Vilar 950
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Francisco Maia Pinto
3221-5435
R Jaime Benevolo 1644
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Jose Nazareno Silva Lima
3458-2566
Av Dom Luis 500
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Elsie Goes Moreira
3214-1339
R Professor Anacleto 33
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Afonso Celso C. Soares
Av Treze de Maio 1331
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Antonio Maia Pinto
R Osvaldo Cruz 1089
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Cisto de Baker: o que é, como tratar

Uma queixa bastante comum entre os desportistas, principalmente os corredores, é dor e inchaço na região do joelho, que surge mediante a realização de atividade física e desaparece com o repouso. Na maioria das vezes as pessoas acabam não dando importância ao quadro álgico, e demoram a procurar auxílio médico. O resultado pode ser desastroso, pois a dor tende a piorar até o ponto de atrapalhar o rendimento esportivo.Entenda a diferença de artrite e artrose.Os principais sintomas são dor e inchaço do joelho. (Foto: divulgação)É importe que todas as pessoas, mas principalmente os atletas, saibam que vários distúrbios articulares podem cursar com esse quadro inespecífico de dor, que piora com o exercício e melhora com o repouso, e podem evoluir para uma complicação bastante comum. Saiba o que é e como tratar o cisto de Baker.O que é o cisto de BakerO chamado cisto de Baker surge em decorrência do acúmulo anormal de líquido sinovial em uma bolsa, que fica localizada na parte de trás do joelho. Ele se forma quando o líquido articular extravasa para essa bolsa, que fica situada entre os músculos gastrocnêmio e semimembranoso, resultando num aumento de volume, que forma o cisto. Vale lembrar que esse problema é secundário a outras lesões, que resultam na instabilidade articular e aumento na produção de líquido sinovial.Quadro clínicoOs principais sintomas dos portadores do cisto de Baker são incômodos e dor na região posterior do joelho, associado a aumento do volume da região, especialmente quando a articulação do joelho está estendida. Os sintomas tendem a piorar com o exercício e melhoram com o repouso.Esquema da localização do cisto de Baker. (Foto: divulgação)É importante deixar claro que o cisto de Baker também pode ser assintomático, e o paciente, muitas vezes, só perceberá qualquer alteração caso faça a palpação da região, verificando a presença do cisto. Entretanto vale ressaltar que, como o aparecimento do cisto de Baker é consequência de comprometimento articular, sua origem deve ser pesquisada.TratamentoA primeira medida a ser tomada para evitar a progressão do quadro clínico, é reduzir as atividades que envolvem impacto excessivo, como saltos, corridas e jogos de futebol. Na maioria dos casos será necessária ajuda de fisioterapeuta, e os desportistas podem necessitar de afastamento temporário de suas atividades. Em situação extremas, a presença do cisto impede a movimentação da articulação, sendo necessária a imobilização da perna.Em alguns casos, o tratamento definitivo pode ser cirúrgico, porém o edema tende a regredir com exercícios de alongamento muscular, que devem ser executados com muita cautela, para não exercer pressão sobre o cisto.Os atletas devem ter cuidado especial. (Foto: divulgação)A dica mais importante, especialmente para os corredores, é prevenir o aparecimento do problema. O recomendado é que o atleta procure imediatamente por um médico, sempre que perceber alguma alteração, como edemas frequentes ou dor, mesmo que seja constante, durante ou após a realização dos exercícios.Conheça a artrose, seus sintomas, causas e tratamento.