Dores Nas Pernas Boa Vista, Roraima

Dores Nas Pernas em Boa Vista. Encontre telefones, endereços e informações sobre Dores Nas Pernas em Boa Vista e região. Leia o artigo abaixo para obter dicas, tutoriais e informações relevantes sobre Dores Nas Pernas.

Clínica de Fisioterapia e Ortopédica Santa Lúcia
(95) 3224-5738
Rua General Penha Brasil 1382
Boa Vista, Roraima
 
Idália Madoru
(95) 3624-2717
Avenida Presidente Dutra 441
Boa Vista, Roraima
 
Cerpg
(95) 3623-2419
Avenida Capitão Júlio Bezerra 29 A
Boa Vista, Roraima
 
Josue F. Barbosa/Me
953-2243
Av Getulio Vargas 753 - e
Boa Vista, Roraima
Especialidade
Medicina Física e Reabilitação

Dados Divulgados por
Talita Rodrigues Bezerra
(95) 3624-2717
Avenida Presidente Dutra 441
Boa Vista, Roraima
 
Hirana Távora de Aguiar Coelho
(95) 3224-4310
Avenida Major Williams 1655 s 110
Boa Vista, Roraima
 
Talita Rodrigues Bezerra
(95) 3624-2717
Avenida Presidente Dutra 441
Boa Vista, Roraima
 
V de Paula de S Amorim
(95) 624-3291
Rua Rua Souza Junior 250 - a
Boa Vista, Roraima
Especialidade
Medicina Física e Reabilitação

Dados Divulgados por
Clínica de Fisioterapia e Ortopédica Santa Lúcia
(95) 3224-5738
Rua General Penha Brasil 1382
Boa Vista, Roraima
 
Hirana Távora de Aguiar Coelho
(95) 3224-4310
Avenida Major Williams 1655 s 110
Boa Vista, Roraima
 
Dados Divulgados por

Dores nas Pernas – Você sabe Combatê-las ou Evitá-las?

Lidar com o problema da dor não é tão simples de ser encarado por qualquer pessoa. Geralmente, dores nas costas, ombros ou nas pernas estão associados a problemas musculares ou ossos. Por isso, é preciso saber lidar de forma adequada. Dentre tantos problemas mencionados, as pessoas mais se queixam das dores nas pernas visto que é um incômodo que atrapalha até mesmo no rendimento das tarefas do dia-a-dia. Mas, o que fazer para combater ou evitar essas dores? A seguir daremos algumas dicas de como combater as dores nas pernas, em vista que esse tipo de problema que aflige a tanta gente.Há muitos fatores causadores dessas dores. Os que mais predominam são os cansaços excessivos, veias dilatadas ou muito inchadas. Salientamos que é no período de calor que a dor mais incomoda visto que a alta temperatura provoca dilatação das veias resultando em maior incômodo. Neste caso, o ideal é sempre consultar um médico quando essas dores nas pernas se tornarem mais intensas e constantes para realização de um diagnóstico mais preciso. Em casos de forte calor, as melhores atitudes a serem tomadas são:- Adote práticas que auxiliem na circulação do sangue nas veias. A ação recomendada é passar um período de tempo (durante o dia) com as pernas um pouco elevadas. Com um pequeno apoio para o membro citado, este exercício pode ser feito facilmente sobre a cama.- Sente-se com uma postura mais adequada. Os seus braços devem ficar bem apoiados e a coluna ereta. Caso fique sentado por um longo período, faça alguns exercícios simples para ajudar na circulação do sangue. Um exemplo prático pode ser o de apoiar o calcanhar no chão e fazer movimentos para cima e para baixo como se fosse uma “gangorra”.Ter uma respiração adequada é essencial. Faça, pelo menos, três vezes ao dia um bom movimento respiratório, de forma devagar. Este processo envolve a inspiração e a expiração, você lembra? O primeiro refere-se à etapa em que o oxigênio é atraído para os pulmões; já o segundo é a liberação do gás carbônico. Isso ajuda bastante na circulação do sangue entre as veias e no perfeito funcionamento do coração.Evite usar salto alto. Mas se você não “vive” sem eles é preciso muito cuidado para não prejudicar suas pernas e os seus pés. O ideal é fazer alongamentos, diariamente, na panturrilha.Por fim, garanta repousos diários. Geralmente, todo e qualquer problema envolvendo dores está relacionado com a falta de descanso, noites mal dormidas ou algo do gênero.Caro leitor, não adianta tentar se alimentar bem, cumprir as dicas aqui mencionadas se o seu descanso for esquecido. Nosso corpo precisa e depende de um bom repouso todos os dias. Mas, só relembrando para combater ou evitar as dores nas pernas. É preciso muito exercício…, adquirir boas posturas…, evitar salto alto…, respirar e dormir bem! Desta forma, as dores desaparecerão e você voltará a ter muita tranquilidade.