Micose Brasília, DF

Micose em Brasília. Encontre telefones, endereços e informações sobre Micose em Brasília e região. Leia o artigo abaixo para obter dicas, tutoriais e informações relevantes sobre Micose.

Cliderm
(61) 3346-3820
SEPS 714/914 bl C s 324
Brasília, DF
 
Hedera Dermatologia
(61) 3244-3071
SEPS 709/909 bl F s 106
Brasília, DF
 
Clínica de Dermatologia Cleire Paniago
(61) 3245-3310
SHLS Q 716 bl C
Brasília, DF
 
Cabral e Velozo Dermatologia S/s
(61) 3327-3469
SCN Q 1 BL F s 1009
Brasília, DF
 
Clínica de Dermatologia Dr Omesina
(61) 3349-7088
STN lt O s 206
Brasília, DF
 
Clínica Aiza de Dermatologia
(61) 3327-3203
SCN Q 2 BL D s 629 tor A
Brasília, DF
 
Pró Alergo Clínica de Asma e Alergias
(61) 3328-2737
SRTVN CJ P s 2133
Brasília, DF
 
Edson José Alves Fogaça
(61) 3346-8234
SEPS 715/915 bl D s 522 cj A
Brasília, DF
 
Marcelo Faro Pompeu Dermatologia e Laser
(61) 3442-8246
SGAS 910, 710 s 246 Centro Clínico Via Brasil
Brasília, DF
 
Derms - Dermatologia Maurício Santana
(61) 3245-5666
SHLS CJ F lt 10 s 403
Brasília, DF
 

Micose – Causas e tratamentos

A micose muitas vezes pode ser confundida com alergia ou até mesmo hanseníase, mas é preciso estar atento quando aparecer algumas ‘feridas’ no corpo como no couro cabeludo e nas unhas, pois podem ser micoses que precisam ser cuidadas para não causar maiores complicações. Saiba quais são as causas e como evitá-las e tratamentos. Veja!Fique atento aos sinais da micose (Foto: Divulgação)As micoses são infecções causadas por 100 fungos de espécies diferentes aproximadamente, eles se alimentam de queratina e também de gorduras do corpo. As partes onde mais são fáceis de se desenvolver são os lugares onde tem calor e alta umidade como os vãos dos dedos, por exemplo, e é bem fácil de pegá-los quando a imunidade do corpo está baixa o que é muito perigoso, pois podem atingir os órgãos e causar uma infecção mais séria diagnosticada como infecção profunda.Pode-se pegar micose pelo contato direto com o solo (pés e mãos no chão), por usar durante o calor sapatos fechados durante muito tempo, ficar com roupas molhadas ou o corpo úmido depois do banho, usar alicates e tesourinhas usadas por outras pessoas que às vezes já estão contaminados com algum fungo; essas são algumas das formas pelas quais as pessoas pegam essa infecção que causa muito incômodo. É possível identificar as micoses que aparecem como manchas no início, nas unhas (onicomicose – deixam as unhas amareladas e deformadas), e também como feridas em alguns lugares como na pele: couro cabeludo, boca, axilas, virilha, pés, mãos e mais.A micose se prolifera em locais quentes e úmidos do corpo (Foto: Divulgação)Como evitar as micoses As micoses podem ser evitadas se alguns cuidados forem tomados como: Evitar andar com os pés no chão;Não usar alicates, tesourinhas, roupas e outros que seja de uso individual de outra pessoa;Evitar ficar com roupas molhadas;Se enxugar bem após o banho, principalmente em lugares como as axilas e virilha;Usar sapatos abertos durante o verão e preferir roupas de fibras naturais como o algodão;Se alimentar bem e de forma saudável com verduras e legumes, principalmente quem está com baixa imunidade. Alguns cuidados podem ser tomados contra a micose (Foto: Divulgação)TratamentosÉ recomendado procurar um médico dermatologista para diagnosticar qual é o quadro da micose, cada tipo tem uma forma de tratamento. O médico pode recomendar o uso pomada ou remédio via oral, mas os cuidados tomados como com a higiene em casa ajudam muito no procedimento da cura, os cuidados já citados acima também.Agora que você já sabe sobre a micose e as formas de como evitá-la, previna-se e não sofra mais desse mal.