Primeiros Socorros Em Casos De Envenenamento Almirante Tamandaré, Paraná

Primeiros Socorros Em Casos De Envenenamento em Almirante Tamandaré. Encontre telefones, endereços e informações sobre Primeiros Socorros Em Casos De Envenenamento em Almirante Tamandaré e região. Leia o artigo abaixo para obter dicas, tutoriais e informações relevantes sobre Primeiros Socorros Em Casos De Envenenamento.

Hospital Santa Edvigers
(41) 3036-3744
Rua Lourenço Ângelo Buzato 592
Almirante Tamandaré, Paraná
 
Irmandade Santa Casa da Misericórdia Nossa Senhora Rosário C
(41) 3656-3322
Rua Marechal Floriano Peixoto 95
Colombo, Paraná
 
Hayion Importadora
(41) 3262-2549
Avenida Prefeito Omar Sabbag 894
Curitiba, Paraná
 
Cegenpac Centro de Endócrino Pediatria
(41) 3363-6264
Avenida Agostinho Leão Júnior 400
Curitiba, Paraná
 
Setor de Ciências
(41) 3360-7200
Rua Padre Camargo 280
Curitiba, Paraná
 
Hospital de Colombo
(41) 3675-5500
Rua São Pedro 892
Colombo, Paraná
 
Clínica Heidelberg
(41) 3320-4900
Rua Padre Agostinho, 687
Curitiba, Paraná
 
Hospital Pequeno Príncipe
(41) 3310-1010
Rua Desembargador Motta 1070
Curitiba, Paraná
 
Hospital e Maternidade Santa Madalena Sofia
(41) 3525-6151
Rua Fúlvio José Alice 381
Curitiba, Paraná
 
Universidade Federal do Paraná
(41) 3598-0138
Rua Padre Antônio 360
Curitiba, Paraná
 

Primeiros socorros em casos de envenenamento

A intoxicação por ingestão de um produto gera uma série de sinais e sintomas importantes. Muitas vezes esse problema chega a ser fatal, se não atendido rapidamente. Quase todas as substâncias, quando ingeridas em grandes quantidades, podem ter um efeito tóxico ao organismo. É importante lembrar que crianças e idosos são as pessoas mais vulneráveis a intoxicação acidental.Os sintomas de intoxicação dependem do produto, da quantidade que foi ingerida e de certas características físicas do indivíduo, como o metabolismo, da pessoa que o ingeriu.Substâncias toxicas mais comuns:Produtos que podem ser encontrados em casa: Acetona, água sanitária, álcool, anti-séptico bucal, naftalina, cloro, cola, desodorante, detergente, esmalte de unha, gasolina, inseticidas, perfumes, querosene, soda cáustica, tintas e vernizes.Alimentos: Alimentos fora do prazo de validade, bebidas alcoólicas, alguns tipos de cogumelo, noz moscada e pimentas.Medicamentos: Qualquer medicamento, quando ingerido em grande quantidade, pode causar intoxicação.O que fazer imediatamente?Em caso de envenenamento por ingestão de algum produto, a primeira coisa que se deve fazer é tentar descobrir a substância ingerida, porque o tratamento varia de acordo com o produto tóxico.Ligue para um socorro médico, o quanto antes. Normalmente, pode-se chamar os bombeiros ou o SAMU (192). Porém, enquanto aguarda a chegada da ambulância, peça orientação por telefone para o Centro de Controle de Intoxicação de sua cidade. Quais os primeiros socorros a serem prestados? Nunca induza o vômito na pessoa intoxicada.Essa atitude pode causar lesão no tubo digestivo da vítima e não irá resolver o problema, podendo até agravá-lo. Em casos de envenenamento por produtos corrosivos (ácido e bases) e derivados de petróleo, vomitar vai piorar o quadro da vítima. Porém, se ocorrerem vômitos involuntários, cuide para que a vítima use um recipiente, para que o material possa ser analisado pelos médicos posteriormente.1- Evite que a vítima faça a ingestão de algum líquido.Não é aconselhado a ingestão de leite. Qualquer líquido que o paciente ingerir, quando intoxicado, pode causar mais dano. O certo é não beber nada.2- Não imobilize a pessoa caso ela apresente convulsões.Não é necessário segurar a sua língua. Apenas garanta que ela não vai esbarrar em algo e se machucar ainda mais.3- Não faça respiração boca a boca.Se houver parada respiratória, a respiração boca a boca não adianta muito. Por isso, apresse a ida para o hospital.4- Se a vítima estiver sentindo frio, é importante agasalha-la.5- Deite a vítima de lado, com a cabeça apoiada sobre o braço, para evitar que ela se sufoque caso apresente vômitos involuntários.6- Fique atento a cada reação do indivíduo intoxicado.Observe se a vítima está fria ou quente, se saliva, vomita, se está confusa ou sonolenta Essas informações serão de grande valia para o médico que o atender.7- Caso seja possível, leve junto com o paciente o produto que causou o envenenamento. Pode ser a embalagem ou o resto do produto.TratamentoO tratamento mais comum, para os casos de ingestão acidental de substâncias tóxicas, é a administração de carvão ativado. Esse produto tem a capacidade de absorver os elementos tóxicos que se encontram suspensos no estômago.Outra conduta comum é a lavagem estomacal, visando a retirada da substância que ainda estiver no estômago, para que não continue aumentando os níveis do produto tóxico no sangue.Dependendo de cada substância o tratamento é diferente. Existem medicamentos capazes de controlar a intoxicação. Por isso, é muito importante saber o que o paciente ingeriu.Tenha sempre em mãos o número de socorros possíveis como SAMU, ambulância ou bombeiros.