Remédios Gratuitos Brasília, DF

Remédios Gratuitos em Brasília. Encontre telefones, endereços e informações sobre Remédios Gratuitos em Brasília e região. Leia o artigo abaixo para obter dicas, tutoriais e informações relevantes sobre Remédios Gratuitos.

Drogafuji
(61) 3327-4893
SCN Q 2 BL D lj T169
Brasília, DF
 
Farmaclin Drogaria e Perfumaria Ltda
(61) 3033-3604
CLN 306 BL E lj 15
Brasília, DF
 
Drogaria Genérica
(61) 3325-2001
CLS 302 BL D lj 7
Brasília, DF
 
Drogaria Distrital
(61) 3328-0707
SDN Lote Único lj 26
Brasília, DF
 
Drogaria Distrital
(61) 3328-0304
SDN Lote Único cj A lj S13
Brasília, DF
 
Drogaria Uberaba
(61) 3274-8810
CLN 106 BL C lj 10
Brasília, DF
 
Drogaria Drogafuji 24 Horas
(61) 3045-4296
SCN Q 2 BL D lj T169 tor A/B
Brasília, DF
 
Farmácia Drogasil
(61) 3323-1034
CLS 102 BL B lj 39
Brasília, DF
 
Drogaria Minas Sul
(61) 3346-8786
CLS 311 BL D lj 1
Brasília, DF
 
Drogaria Leticia Ltda
(61) 3328-2516
SRTVN CJ P lj 4
Brasília, DF
 

Como Conseguir Remédios Gratuitos

A população brasileira gasta muito dinheiro com a compra de remédios e isso foi comprovado através de uma série de pesquisas. Mesmo se tratando de genéricos, as compras nas farmácias acabam apertando o orçamento e reduz as verbas para outros investimentos fundamentais, como educação, moradia e alimentação.O Sistema Único de Saúde (SUS) distribui medicamentos gratuitos nos postos de atendimento espalhados pelo país, mas nem sempre os itens inclusos na receita são encontrados nas pequenas farmácias. Nesses casos, o paciente acaba gastando absurdos nas drogarias da mesma forma, sem contar com o apoio do sistema de saúde pública. Em média, uma família de baixa renda com uma pessoa doente gasta 12% do orçamento com a compra de remédios.Foi pensando na situação da saúde brasileira que o Governo Federal junto com o Ministério da Saúde lançou um programa com o objetivo de distribuir remédios gratuitamente. A proposta conta com o apoio de farmácias e drogarias de todo o país, que já participam do outro projeto “Aqui Tem Farmácia Popular”.O programa de distribuição gratuita de remédios foi intitulado de “Saúde Não Tem Preço” e já começou a ser divulgado por meio dos veículos de comunicação. Participam da proposta apenas os medicamentos para tratar diabete e hipertensão, que muitas vezes acompanham os doentes por toda a vida.Ao lançar o “Saúde Não Tem Preço” o Ministério demonstrou preocupação com o povo brasileiro, que está mais idoso. O aumento no número de pessoas diabéticas e com pressão alta também serviu de motivo para implantar o programa em todo o país. Aposentados ou mesmo os jovens que já sofrem com hipertensão e diabete podem solicitar medicamentos.Para conseguir remédios gratuitos é muito simples, basta ir até uma farmácia parceira do programa apresentar a receita médica junto com os documentos de identificação (RG e CPF). O farmacêutico vai avaliar se o nome do medicamento consta na lista do “Saúde Não Tem Preço” para depois entregá-lo ao cidadão.O anúncio do programa do Governo para remédios grátis foi feito pela presidente Dilma Russeff e entra em vigor hoje, dia 3 de março. A ampliação do acesso aos medicamentos gratuitamente conta com mais de 15 mil estabelecimentos credenciados e tem como meta aumentar o número de beneficiados pelo Aqui Tem Farmácia Popular.