Tratamento Para Drogas Águas Lindas de Goiás, Goiás

Tratamento Para Drogas em Águas Lindas de Goiás. Encontre telefones, endereços e informações sobre Tratamento Para Drogas em Águas Lindas de Goiás e região. Leia o artigo abaixo para obter dicas, tutoriais e informações relevantes sobre Tratamento Para Drogas.

Eudes Salviano da Silva
(61) 3404-2784
Q 603 lt 16 cj 14
Recanto das Emas, DF
 
Eliane Arrais Jardim
(61) 3351-8889
C 1 s/n lt 1/12 sl 813
Taguatinga, DF
Especialidade
Psicologia

Dados Divulgados por
Associação Servos de Deus
(62) 3518-5555
Estrada A qd A ch 5
Aparecida de Goiânia, Goiás
 
Holliston Junio Rosa Machado
(62) 3307-2674
Rua 37 260
Ceres, Goiás
 
A B do Amaral
(62) 3212-4500
Rua 24 qd 62 lt 88 lj 3
Goiânia, Goiás
 
Maria L Porto
(61) 3351-0640
C 12 lt 1/2 bl B s 106
Taguatinga, DF
Especialidade
Psicologia

Dados Divulgados por
Maria Luci Porto
(61) 3351-0640
C 12 s/n lt 1/2 bl B s 106
Taguatinga, DF
Especialidade
Psicologia

Dados Divulgados por
Projeto Reviver
(64) 3454-4851
Rua 2 qd 2 lt 1
Caldas Novas, Goiás
 
C & R Comercial de Medicamentos
(62) 3247-4210
Avenida Deputado Jamel Cecílio 3310 qd B34 lt 1A s 205
Goiânia, Goiás
 
Drogaria Central
(62) 3305-7428
Rua Lizandro Gomes de Souza 270
São Francisco de Goiás, Goiás
 
Dados Divulgados por

Tratamento para Drogas

Quando uma mãe da a luz a um filho ela quer um futuro brilhante para ele e jamais passa pela sua cabeça que essa criança tão amada vai um dia ser dependente químico. Uma criança cheia de amor, carinho e muita dedicação por parte dos pais e quando eles menos esperam seu filho está envolvido com drogas e é um viciado. Muitas etapas são vencidas, mas chega uma hora que nada adianta fazer para que o adolescente ou jovem deixe de usar drogas, pois a necessidade de estar com a química no organismo é muito grande e faz com que ele seja capaz de qualquer coisa para poder se drogar. Infelizmente não existe tratamento que seja positivo sem que o usuário de drogas queira se tratar e ficar bom, precisa vir dele a vontade de parar, a motivação deve ser intrínseca, pois só assim ele poderá ficar livre das drogas e ter uma vida tranquila e normal como a de qualquer pessoa. Como tratar um dependenteA melhor atitude é levar um dependente para se tratar em um local apropriado e um desses lugares é o CATs que é Centro de Atendimento a Toxicodependentes, pois quando uma pessoa procura por uma das entidades do CATs, ela é tratada para poder se livrar da dependência, pois Centro de Atendimento a Toxicodependentes se baseiam em três processos, são eles:Desintoxicação – o dependente passa pelo processo de eliminação do consumo da droga sem sofrer com os sintomas da abstinência.Reabilitação Psicológica - não basta apenas deixar de consumir, pois essa é a fase que podemos dizer que é a mais fácil, pois é na reabilitação psicológica que começa a fase mais difícil do tratamento. Pois é necessário que o dependente sinta que ele pode viver sem a droga e que ele tem razões para viver sem ela com estímulos que façam com que ele desenvolva a sua autoestima, os seus interesses e as usas capacidades através de varias atividades e aconselhamento da família.Reinserção social – essa é também considerada uma parte muito difícil, pois é necessário que o ex dependente possa trabalhar e quem sabe até constituir família e é muito importante que ele também participe de atividades sociais no seu meio para que ele possa se sentir parte integrante da sociedade como uma pessoa normal, sem qualquer restrição.A família como processo de reabilitaçãoA família tem um lugar muito importante na reabilitação do ex dependente, pois é ela que vai trazer a motivação necessária para que ele não queira mais voltar a usar drogas, pois o abandono das pessoas mais próximas faz com que o ex dependente não sinta vontade de viver, pois a família deve ser a chave para a sua cura. Muitas vezes a família se afasta do dependente quando ele começa o tratamento e o deixa esquecido em uma clinica como se ele não existisse. Até dá para entender esse tipo de reação, pois só quem já passou ou passa por uma situação dessas que sabe o quanto é difícil. Para que a recuperação seja positiva é necessária a presença da família o tempo todo ao lado do dependente. Para concluir:Seria muito bom se os jovens e adolescentes nunca experimentassem as drogas, que vivessem longes delas, mas nem sempre isso é possível, mas se acontecer a melhor saída é optar pelo tratamento, mas o viciado é que deve querer se tratar, pois não adianta impor isso a ele, quando as coisas são forçadas não são verdadeiras e o dependente pode até ser internado em uma clinica de reabilitação, mas na primeira oportunidade ele pode voltar a se drogar, por isso é muito importante que ele queira deixar o vicio para que o tratamento possa ser positivo.